Psicodélico: Canadá aprova novo estudo com MDMA

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Canadá aprova novo estudo com MDMA



Dois terapeutas canadenses conseguiram autorização para darem Ecstasy aos seus pacientes, numa pesquisa científica com o objetivo de descobrir novas maneiras de ajudar pessoas com distúrbio de stresse pós-traumático.

O psicólogo Andrew Feldmar e a psiquiatra Ingrid Pacey, com a ajuda da associação multidisciplinar de estudos psicadélicos (MAPS), estão a recutrar 12 pessoas para a experiência, as quais esperam possam incluir soldados canadianos e agentes da polícia.

A experiência de Vancouver faz parte de um movimento internacional ainda pequeno mas em desenvolvimento, para usar drogas como o LSD, o MDMA (ecstasy) e a psilocibina como parte do tratamento terapêutico, e tem recebido um apoio significante da MAPS. A organização, fundada em 1986, é não lucrativa e focada na utilização das drogas psicadélicas e da marijuana para tratamento.

“Existe um novo interesse,” afirmou Feldmar, que trabalhou no hospital Hollywood, em Vancouver, nos anos 60, quando aí se usou LSD como tratamento para o alcoolismo. “Estas substâncias são extremamente eficazes. Foi apenas quando foram usadas irresponsavelmente que criaram um pânico sem sentido”.

Para continua a ler (em inglês) aqui: Landmark B.C. study lets trauma sufferers find relief with ecstasy